Timeline das profecias bíblicas

Estamos elaborando um linha do tempo profético. Vamos reunir os principais acontecimentos históricos com as suas respectivas profecias....

Esta tabela reúne as principais profecias bíblicas que apresentam o elemento tempo com o seu respectivo acontecimento histórico.

PROFECIAHISTÓRIA
Dn 2:32 / Dn 7:4606 a. C. a 538 a. C.
Cabeça de ouro / LeãoImpério Babilônico
A cabeça daquela estátua era de ouro fino; o seu peito e os seus braços de prata; o seu ventre e as suas coxas de cobre;

O primeiro era como leão, e tinha asas de águia; enquanto eu olhava, foram-lhe arrancadas as asas, e foi levantado da terra, e posto em pé como um homem, e foi-lhe dado um coração de homem.
Nabucodonosor
Dn 2:32 / Dn 7:5538 a. C. a 331 a.C
Peitos de prata / UrsoImpério Medo-Persa
Continuei olhando, e eis aqui o segundo animal, semelhante a um urso, o qual se levantou de um lado, tendo na boca três costelas entre os seus dentes; e foi-lhe dito assim: Levanta-te, devora muita carne. Ciro e Dario
Dn 2:32 / Dn 7:6331 a.C – 168 a. C
Ventre de bronze / LeopardoImpério Grego
Depois disto, eu continuei olhando, e eis aqui outro, semelhante a um leopardo, e tinha quatro asas de ave nas suas costas; tinha também este animal quatro cabeças, e foi-lhe dado domínio. Alexandre, o Grande
Dn 2:33 / Dn 7:7168 a. C a 476 d. C
Pernas de ferro+barro / Animal terrívelImpério Romano
As pernas de ferro; os seus pés em parte de ferro e em parte de barro.

Depois disto eu continuei olhando nas visões da noite, e eis aqui o quarto animal, terrível e espantoso, e muito forte, o qual tinha dentes grandes de ferro; ele devorava e fazia em pedaços, e pisava aos pés o que sobejava; era diferente de todos os animais que apareceram antes dele, e tinha dez chifres.
Ap. 13:1-2330 – 1453
Besta que sobe do marImpério Bizantino
E eu pus-me sobre a areia do mar, e vi subir do mar uma besta que tinha sete cabeças e dez chifres, e sobre os seus chifres dez diademas, e sobre as suas cabeças um nome de blasfêmia. E a besta que vi era semelhante ao leopardo, e os seus pés como os de urso, e a sua boca como a de leão; e o dragão deu-lhe o seu poder, e o seu trono, e grande poderio.A “besta” que sobre do mar é o Império Bizantino que começa a surgir em 330 quando Constantino, temendo as invasões bárbaras, muda a capital do Império Romano para Bizâncio. Contudo, as descrições da profecia apontam um período mais tarde, primeira metade do século VI, quando Justiniano assume o poder. Os “dez diademas” nos chifres indicam que estamos no perído de domínio dos dez povos bárbaros. E a “boca como a de leão” representa a capacidade de Justiniano de reorganizar os códigos de leis, marca indelével de seu governo. A “boca” na profecia é o poder de ditar normas, criar doutrinas etc.
Ap 13:3476
Cabeça ferida para morteQueda de Roma
E vi uma das suas cabeças como ferida de morte, e a sua chaga mortal foi curada; e toda a terra se maravilhou após a besta.A “cabeça” ferida para morte representa a queda de Roma. Quando o Odoacro, rei do Hérulos, pôs fim ao governo de Rômulo Augusto, último imperador romano.
Ap 13:5 e Dn 7:8,11,20,21,24-26538 – 1798
Chifre pequeno – Boca dada à bestaPapado
E proferirá palavras contra o Altíssimo, e destruirá os santos do Altíssimo, e cuidará em mudar os tempos e a lei; e eles serão entregues na sua mão, por um tempo, e tempos, e a metade de um tempo. (Dn 7:25)

E foi-lhe dada uma boca, para proferir grandes coisas e blasfêmias; e deu-se-lhe poder para agir por quarenta e dois meses. (Ap 13:5)
O “chifre pequeno” e a “boca” da besta representam a ascenção do bispo de Roma sobre os demais bispos do Império Romano conforme o Decreto de Justiniano, Corpus Juris Civilis. A “boca” na profecia é o poder de ditar normas, criar doutrinas etc. Os bispos de Roma receberam do Imperador Justiniano autorização para criar as leis eclesiásticas.

Este poder perdurou por 1260 anos, conforme a descrição profética: “tempo, tempos, e a metade de um tempo” ou “quarenta e dois meses”.
Ap 11:1-13538 – 1798
As duas testemunhasAntigo e Novo Testamento
E deixa o átrio que está fora do templo, e não o meças; porque foi dado às nações, e pisarão a cidade santa por quarenta e dois meses. E darei poder às minhas duas testemunhas, e profetizarão por mil duzentos e sessenta dias, vestidas de saco. (Ap 11:2,3)

E homens de vários povos, e tribos, e línguas, e nações verão seus corpos mortos por três dias e meio, e não permitirão que os seus corpos mortos sejam postos em sepulcros. (Ap 11:9)
Os comentários serão inseridos nos próximos dias.
Dn 12:7,11,12632 – 1922
Abominação desoladoraDomínio islâmico
E ouvi o homem vestido de linho, que estava sobre as águas do rio, o qual levantou ao céu a sua mão direita e a sua mão esquerda, e jurou por aquele que vive eternamente que isso seria para um tempo, tempos e metade do tempo, e quando tiverem acabado de espalhar o poder do povo santo, todas estas coisas serão cumpridas.

E desde o tempo em que o sacrifício contínuo for tirado, e posta a abominação desoladora, haverá mil duzentos e noventa dias. Bem-aventurado o que espera e chega até mil trezentos e trinta e cinco dias.
O domínio islâmico sobre o mundo oriental, incluindo principalmente as terras de Israel, começou a partir das conquista de Maomé em 632 e se estendeu até o ano de 1922, quando caiu o Império Turco. De 632 a 1922 são 1290 anos, ou 1290 dias próféticos. A profecia fala também em 1335 dias, que significam mais 45 dias. Isto nos leva a 1967 quando Jerusalém foi reconquistada pelos judeus, terminando o tempo que a abominação desoladora iria pisar (ocupar) a cidade santa. A profecia diz “bem-aventurado o que espera e chega até mil trezentos e trinta e cinco dias”, isto implica que as gerações de judeus a partir deste tempo seriam felizes por estarem livres do domínio gentílico e veriam, de ora em diante, uma era de prosperidade.
Ap 13:11-18800 – 843
Besta que sobe da terraImpério Franco
E vi subir da terra outra besta, e tinha dois chifres semelhantes aos de um cordeiro; e falava como o dragão. E exerce todo o poder da primeira besta na sua presença, e faz que a terra e os que nela habitam adorem a primeira besta, cuja chaga mortal fora curada. (Ap 13:1,2)A “besta” que sobre da terra e tem dois “chifres” representa Império Franco que surgiu em 800 com a coroação de Carlos Magno, rei dos francos, como imperador dos romanos, numa noite de Natal pelo Papa Leão III, na antiga Basílica de São Pedro, e durou até 843, quando foi dividido em 3 partes para os três filhos de Luís, o Piedoso, filho de Carlos Magno. O Império Franco é considerado o renascimento do Antigo Império Romano.
Ap 17:8962 – 1806
Besta escarlataSacro Império Germânico
A besta que viste foi e já não é, e há de subir do abismo, e irá à perdição; e os que habitam na terra (cujos nomes não estão escritos no livro da vida, desde a fundação do mundo) se admirarão, vendo a besta que era e já não é, ainda que é. (Ap 17:8) Esta “besta” é o Sacro Império Germânico, que é a continuação do Império Franco. Esta besta “era” o Império Franco, “e já não é” o Império Franco e “ainda que é” o Império Franco, mas, agora, com o nome de Império Germânico. O Império Franco foi dividido entre os três netos de Carlos Magno. A parte oriental ressurgiu com o nome de Império Germânico. Esta parte havia ficado sob o domínio de Luís, o Germânico. Em 962 Oto I, o Grande Rei dos germanos, a exemplo do que aconteceu com Carlos Magno, também é coroado como imperador dos romanos pelo Papa João XII.
Ap 17:31095 – 1254 (Este é um período aproximado)
Mulher montada na bestaSupremacia papal
E levou-me em espírito a um deserto, e vi uma mulher assentada sobre uma besta de cor de escarlata, que estava cheia de nomes de blasfêmia, e tinha sete cabeças e dez chifres.A “mulher” montada na besta representa um período de grande domínio dos papas sobre reis e imperadores. Acima, falamos do papado (538 a 1798), mas a “mulher” montada na besta é um perído mais curto entre o fim do século XI e início da segunda metade do século XIII, quando os papas conseguiram poder suficientes para convocar as cruzadas.
PROFECIAHISTÓRIA

Categories
ESCATOLOGIANEWS
No Comment

Deixe um comentário:

*

*

RELACIONADOS:

Translate »